Viver a vida: 5 atitudes pra ter um vida mais leve (hoje)!

Viver a vida (com tranquilidade) é saber não levar tudo tão a sério!

E isso só depende de algumas atitudes que você toma nas situações do dia a dia.

No outro dia, enquanto ia de casa pro trampo (2 ônibus e 2 metrôs pra lá e pra cá) prestei atenção numa conversa.

(ei você que estava no metro Barra da Tijuca sentido Ipanema 😉 )

Pelo celular, a pessoa reclamava com a empregada porque tinha esquecido uma tal bolsa (sei até a cor e a marca).

Ela não chegou a ser grosseira com a empregada (pelo menos isso), mas a forma e o que repetia direto me deixou ligado:

“Agora tá tudo acabado!”

… o que eu eu vou fazer????

Como você me deixou esquecer disso fulana…?

(blá blá blá whiskas sachê)

 

viver a vida mulher como ser mais positivo?

 

Botei meu fone de ouvido (porque já tinha fofocado demais pra um dia rs), mas:

Que “raio” de coisa tinha naquela bendita bolsa?

O celular não era! (se fosse eu até entenderia o descontrole haha)

O que justificaria aquele sofrimento?!

Uma coisa do trabalho?

Uma conta?

Dinheiro?

O almoço? Remédio?

Não importa o que tinha naquela bolsa!

NÃO tava ali no metro, não dava pra mudar isso.

Esse era o fato!

 

É fácil ser pesado. Difícil é ser leve.

Gretchen Rubin

 

Por que dar tanta importância pro que já tava “resolvido” (pelo menos tecnicamente)?

Se reconheceu?!

O que você precisa saber é que existem escolhas (dá pra fazer HOJE ainda), pra largar esse monte de mi mi mi (que não te leva a solução nenhuma), e viver a vida com mais leveza, otimismo, tranquilidade e bom humor.

Não é molezinha, mas o importante é que funciona 😉

 

Se interessa pelo assunto? Então informe seu e-mail e não perca as atualizações do blog!

Dicas que facilitam o seu dia

Você quer?

100% livre de spam

 

 

Viver a vida (atitude 1)

 

viver a vida: 5 atitudes para ser mais leve

 

Não leve a vida tão a sério!

Sei que parece até papinho de gente “fumada” (rs).

Mas ter uma vida leve depende (e muito) do que você tá “escolhendo” aí dentro da sua caixola.

Então a partir de agora antes de ficar sofrendo (por qualquer motivo) “escolha”:

 

  • menos stress e mais momentos alegres
  • menos preocupações e mais otimismo
  • menos vergonha e mais bom humor
  • menos cansaço e mais vontade de viver

 

 

viver a vida: não leve a vida tão a sério

 

 

Vá com calma!

 

Você não precisa ficar provando pra ninguém a sua capacidade e os seus motivos toda hora (você já cresceu, lembra?!)

Aperta o pause rapidinho ae na leitura!

(só ouça sua respiração 3 vezes)

Não precisa fazer tudo correndo e no automático.

Desacelere!

 

 

Pense menos!

 

viver a vida: medite e respire para aliviar os problemas

 

 

Tente segurar a onda dessa cabeça!

Pô, ela não precisa estar  no “220” interpretando as coisas, as pessoas…

Questionando tudo e buscando novas soluções o tempo todo.

Pensar demais cansa!

Nesses momentos feche os olhos, conte até 20 e fique só ligado na sua respiração.

 

 

Tenha menos coisas!

 

viver a vida: desapega que a vida flui

 

 

Pare de (só) reclamar e agradeça!

 

Sei que sua vida não tá o castelinho da Cinderela (nem nem sei se era tão bom rs) e tem um monte de treta pra você resolver.

Mas vamos combinar que dá pra fazer beeem menos drama, né?!

Faz o seguinte, pra cada vez que você reclamar (ou pensar em) agradeça.

É só dizer bem baixinho: OBRIGADO, OBRIGADO, OBRIGADO!

 

 

viver a vida: agradeça e pare de reclamar de tudo

 

 

Você não precisa ter razão em tudo.

Não precisa definir todos os rumos e direções que sua vida vai seguir (até seus últimos dias).

Não precisa avaliar se esse monte de coisas que você tá fazendo (hoje) vai trazer alguma recompensa no futuro.

Não precisa!

Escolha alguns dias (só pra viver)!

O mundo não vai parar se um dia ou outro você der uma “bola fora” e fizer uma pausa.

 

viver a vida: tire um dia para aproveitar a vida

 

Gostou do assunto?

Conta o que você tem feito pra baixar a bola e desacelerar… 😉

Clique pra voltar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

*

Seja o primeiro a comentar!