Alugar apartamento: 7 dicas (infalíveis) pra não escolher o apê errado!

Vai alugar apartamento e tá com um monte de dúvidas?

Pior?!

(é sua primeira vez e não saber nem por onde começar?)

Pode relaxar aí na cadeira, porque depois dessas 7 dicas (matadoras) você vai conseguir escolher o apê que melhor se encaixa no seu momento de vida (e ainda vai poder sair ajudando os amigos) 😉

 

Alugar apartamento: placa aluga-se (como escolher apartamento certo)

 

Continue lendo comigo a postagem e saiba mais sobre:

 

  • b a bá do aluguel
  • porteiro seu novo “BFF” de infância (a fofoca salva)!
  • 7 dicas (infalíveis) que te livram das roubadas

 

 

Se interessa pelo assunto? Então informe seu e-mail e não perca as atualizações!

Dicas que facilitam o seu dia

Você quer?

100% livre de spam

 

Alugar apartamento: primeiros passos

 

Ao longo da vida, passei por vários apês alugados.

E não teve jeito, arrebentava a cara toda vez que não tava “ligado” no lado investigativo do aluguel e agia por impulso…

Pra alugar eu fazia assim:

  • via um anúncio
  • marcava visita
  • gostei? (alugava)
  • não gostei?! (voltava pro início passo a passo)

 

Ih… você tava pensando em fazer assim também, né?!

Pode acreditar, dá pra fazer um pouquinho melhor que isso.

Antes de qualquer coisa defina EXATAMENTE a grana $$$ que você tem disponível pra alugar apartamento (não esqueça que condomínio e IPTU fazem parte do bolo).

Agora é só escolher o bairro (ou a região se for uma cidade mega tipo São Paulo) e começar a visitar suas ruas…

 

Alugar apartamento: caminhe pelo bairro e observe os moradores (pessoas caminhando)

 

Rode por lá num fim de semana e em dias de semana (se for possível).

Observe o “movimento”, as lojas, a dinâmica do lugar.

Tire fotos, grave vídeos/áudios com suas observações (e fique de olho no nome das ruas).

Agora, se jogue nos anúncios!

 

Alugar apartamento: a fofoca salva!

 

No dia da visita, além de prestar atenção no apê, aproveite pra conversar com o porteiro, que sempre fofoca sabe tudoooo!

E (se tiver oportunidade) fale com algum futuro vizinho também 😉

Marque a visita pra fim de semana ou depois do horário comercial pra ver o movimento (sempre tem mais gente em casa e circulando pelo prédio).

Nada de marcar visita com pressa!

 

alugar apartamento cuidado na vistoria

 

Ande por todas as áreas do prédio que der (não se esqueça de escadas e garagem).

Observe!

 

Alugar apartamento: 7 dicas matadoras!

 

Alugar apartamento, chave na porta de entrada (chaveiro em formato de casa)

 

 

Já agucei bem teu lado fofoqueiro investigativo, e com essas com essas 7 dicas o sucesso com o novo apê tá garantido 😉

1 – Quer pagar quanto?
Falei disso lá no começo (mas nunca é demais né rs).

Valor do condomínio, cota extra (sempre tentam esconder que tá rolando) e somar tudo pra ver quanto dá $$$ no fim do mês.

 

2 – Custo-benefício

Tem carro?

Então alugar apartamento um pouco mais afastado do centro pode representar economia (ou ganho de metragem).

Mas se você só tem os pés e uma bike alugada, leve em consideração que um “busão” e mercado perto sempre são uma mão na roda.

 

3 – Garagem, bicicletário e comodidades

Tem que ficar de olho se o condomínio vai atender (e permitir) suas necessidades.

Ainda tem condomínio que não aceita animais 🙁

E que não permite a subida de bicicletas (sem ter bicicletário em baixo) 🙁

 

alugar apartamento, bicicletas na decoração de casa

 

4 – Sol e ventilação
É um “plus” saber quando (e se) o sol bate no apê, em que direção, e em que horários.

Se ele ficar onde o sol quase nunca entra, devem rolar sérios problemas com mofo.

Já se entra sol direto, pode ser que você frite no verão (se prepara pra conta de luz).

 

5 – Tomadas
Sair enchendo a casa de extensões pode dar ruim… então (ainda na visita), de olho onde ficam e quantas são as tomadas.

 

6 – Paredes e piso

 

alugar apartamento, problema na hora de devolver para imobiliária

 

Já que você vai ter que devolver tudo igual, alguns materiais são mais fáceis (ou difíceis) de manter no dia a dia, por exemplo, piso de carpete.

(dá um trabalhão e ainda detona com os alérgicos)

Piso laminado (risca facinho)!

(e vai rolar blá blá blá na hora de devolver o apê).

 

7 – Acústica

E por último, repare se você escuta muito os vizinhos.

Se você curte fazer “barulheira” é certeza de que vão ficar no seu pé.

E o contrário… eitaaa (não queria estar na sua pele)!

 

Gostou das dicas? Então veja essas que separei pra você:

 

 

Clique pra voltar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

*

2 Comentários

  1. Ligia disse:

    Gostei! Vou testar 🙂